Reabsorção Dentária

Reabsorção Dentária em animais é tema de palestra na COMPAVEPA

Aconteceu nesta semana o maior congresso veterinário de estado de São Paulo, o COMPAVEPA, realizado durante a VET Expo, e que contou com a presença do Dr. Herbert Corrêa, palestrando sobre o tema “A importância da Radiologia Odontológica no Diagnóstico de Reabsorção Dentária”.

A reabsorção dentária é uma condição onde o dente é “comido” (reabsorvido) pelo próprio organismo, criando assim buracos nele. Em muitos casos o problema começa na raiz do dente – e por isso a importância da radiografia para diagnosticá-lo o quanto antes. Outros casos são visíveis quando a reabsorção chega na coroa do dente, mas, neste ponto, o animal já sente dores e desenvolve dificuldade para comer, por exemplo. É extremamente importante que haja um diagnóstico o mais breve possível a fim de que os pets não sofram e voltem a ter qualidade de vida, e isso só é possível através da radiografia odontológica.

Este problema é muito frequente tanto em cães, quanto em gatos. Estudos apontam que cerca de 50% dos cães pacientes possuem ou vão possuir, ao longo da vida, pelo menos 1 dente com reabsorção, principalmente os de porte maior e de idade mais avançada. Já nos gatos a estatística é mais alarmante: cerca de 70% deles poderão ter reabsorção em pelo menos 1 dente durante a vida, ficando ainda mais frequente quando atingem idades mais avançadas.

Por isso ressaltamos a importância de consultas regulares para que todo problema seja detectado desde o princípio.  

Para agendar uma consulta envie-nos um email para: odontovet@odontovet.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Olá, podemos ajudar?
Powered by