anemia canina

Anemia canina: sintomas e prevenção

É muito bom ver seu pet correndo, pulando e brincando por aí. Quando isso não acontece, alguma coisa não está bem. A anemia canina é mais comum do que se pensa, e além da apatia pode acarretar outras complicações.

 

O que é anemia?

A anemia é causada pela baixa presença de glóbulos brancos no sangue, dificultando o transporte de oxigênio.

 

Tipos de anemia canina

Existem vários tipos de anemia. A anemia pode ser regenerativa ou arregenerativa, ou seja, podem melhorar com através da produção de novas células e com o tempo.

 

  • Anemia regenerativa hemolítica: é causada pela destruição das hemácias de forma precoce, fazendo com que durem menos do que o período normal, que é cerca de 100 dias.

 

  • Anemia regenerativa hemorrágica: ocasionada devido uma hemorragia por ruptura de algum órgão ou trauma, fazendo com que o pet perca muito sangue.

 

  • Anemia arregenerativa por depressão da medula óssea: nesse caso, o problema está na produção de hemácias devido alguma doença. Inflamação na medula, parvovirose ou erliquiose podem ser algumas delas.

 

  • Anemia arregenerativa por deficiência nutricional: essa é a anemia mais comum, ela ocorre quando o corpo não recebe todos os nutrientes necessários, o que atrapalha a produção de hemácias.

 

Sintomas

 

Desânimo e cansaço não são os únicos sintomas da anemia, existem outras formas de identificar a doença:

 

  • Perda de peso
  • Amarelamento da pele e dos olhos
  • Sangue nas fezes
  • A taxa de pulso diminui muito ou aumenta muito
  • Dificuldade respiratória
  • Gengivas pálidas

 

Tratamento

 

Para o diagnóstico é ideal a consulta a um médico veterinário, para que sejam realizados os exames necessários. O tratamento varia conforme a causa da anemia, em alguns casos só a correção na alimentação do pet já é suficiente, em outros, transfusões de sangue podem ser necessárias.

 

Prevenção

Prevenir é sempre a melhor opção. Se você deseja que seu pet tenha uma boa saúde, exames de rotina e alimentação adequada são um bom caminho e já que a saúde começa pela boca, não esqueça da escovação dos dentes do seu pet!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Olá, podemos ajudar?
Powered by