Consulta Sem Estresse

Muitos animais podem se assustar e reagir mal com as visitas ao veterinário por não serem inseridos corretamente ao ambiente da clínica, o que pode causar grandes estresse ao pet.

Alguns dos motivos mais comuns são associação da clínica ou do veterinário com dor, trato inadequado do tutor com o pet desde as primeiras idas ao veterinário e, em alguns casos, até o cherio do consultório pode despertar medo nos animais.

O ideal é que a tolerância ao manejo entre o veterinário e o animal seja desenvolvida de forma suave desde filhote, para acostumá-lo a ser tocado e inspecionado. Além disso, em casa é possível acostumar os pets ao toce, com exercícios que consistem basicamente em tocar orelhas, patas, focinho, pele, cauda e também a boca, de forma lúdica e no contexto das brincadeiras com o pet.

Já quanto a primeira visita à uma clínica veterinária, caso o animal seja muito desconfiado, o ideal é levá-lo como num passeio, antes da primeira consulta, para que haja familiarização do pet com o local e com o médico veterinário. Nas consultas, se o animal apresentar um comportamento aversivo, o tutor não deve reforçar este comportamento com consolos ou broncas. É fundamental que o tutor se mantenha em uma postura tranquila, como se esse momento não merecesse nenhuma reação, assim os animais desenvolvem comportamentos mais confiantes e receptivos durante as consultas e ao trato do veterinário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Olá, podemos ajudar?
Powered by